Friday, 13 May 2016

Dia bem agitado, mas com um sorriso nos lábios

A semana foi stressante, dramática e repleta de coscuvilhice. Na maioria dos dias cheguei a esquecer do que tinha de fazer antes de chegar a casa, tal era o stress à flor da pele.Cheguei a pensar várias vezes, hoje correu mal amanhã correrá melhor. Cheguei várias vezes a casa com vontade de ir directamente para a cama e sem vontade nenhuma de jantar, tal era revolta e o conflito no meu interior. Ontem disse o mesmo para comigo, o dia correu mal, não tinha expectativa nenhuma nem força para enfrentar outro dia, mas pensei para comigo, a vida é demasiado curta para vivê-la miseravelmente. Pelo que dei algumas palmadas nas minhas ricas bochechas e disse para comigo, hoje nada, mas é que nada mesmo vai escurecer o meu dia! Nem que para isso tenha de contrariar o clima. E assim foi. Cheguei toda contente ao trabalho, como sempre o faço. Pois não admito que o meu humor (seja ele negativo) afecte a minha relação com as pessoas quer no trabalho quer em casa (ou pelo menos tento), pelo que o meu dia-a-dia é sempre com um sorriso nos lábios. Pode ser uma máscara, mas é uma máscara "that keeps me going" como se costuma dizer em Inglês (e cá estou eu mais uma vez a recorrer ao Inglês por falta de uma expressão mais Portuguesa!). Desejei bom dia a toda a gente, como sempre faço e o meu dia foi-se desenrolando. Algumas questões surgiram entre membros de equipa, telefonemas com pessoas maravilhosas no outro lado da linha, que por mais má que a notícia fosse do meu lado a minha voz animada acabava por manter a notícia mais amigável e a relação mais divertida. Foi um dia stressante pois envolveu várias acções - investigação, pressão e respostas, muitas respostas! Mas é disto que gosto. Ocupação, desafios, responsabilidade. Coisa que infelizmente naquele escritório, sim no escritório no qual já trabalho ha quase um ano com a Heineken e que (in)felizmente está quase a terminar (não por escolha própria), nao existe. As pessoas não estão ocupadas o suficiente, não têm demasiadas responsabilidades e quando não há mais nada que fazer há que irritar o vizinho do lado. E infelizmente é isso que acontece, mais vezes do que aquelas que (não) gostaria de contar. Mas é assim mesmo. A vida é mesmo assim, repleta de personalidades distintas que geram conflitos entre si, e só dessa forma é normal. De outra forma talvez fosse aborrecido, mas confesso que prefiro os dias anormais, aos normais!

2 comments:

  1. Às vezes faz falta que alguém "ponha" a máscara e tente manter o ambiente positivo porque as pessoas são muito influenciadas pelo ambiente que as rodeia.
    P.S. Também recorro constantemente a expressões em Inglês por não me lembrar como se diz em Português!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Tão verdade Joana e é exactamente com esse intuito que tenciono sempre manter o meu sorriso nos lábios, pois não serei a desculpa de um mau ambiente entre colegas de trabalho.
      Já te sigo há algum tempo Joana, não assiduamente pois simplesmente não consigo, mas agora é que reparei. Há quase 8 anos que já estás na Suécia! Lembro-me de te começar a ler e iniciar a minha vida cá e agora já lá vão quase 4 anos. Não é de admirar que nos comecemos a esquecer das mais típicas expressões Portuguesas :) Beijinho Joana

      Delete

✿ Comentários ✿

Powered by Blogger.

Contact us

anna.21.marian@gmail.com