Saturday, 31 May 2014

# desculpas ha muitas

Eu quero tentar a serio desta vez e fazer isto em condicoes! Deixar-me de preguicas, ser criativa e ver o obvio. Depois disso e' muito simples, e' so fazer o click e voila, a fotografia do dia fica memorizada. Mas para isso tenho de tentar, tenho de me esforcar e conseguir fazer magia! Coisa que, acreditem, para mim e' muito dificil... pois eu sou das poucas pessoas que infelizmente nao consegue ver o obvio! Mas este mes (Junho) vou tentar! E que tal juntarem-se a mim nesta aventura? Se quiserem saber mais visitem "We Blog You".

Being lonely and Social life

Ontem ao ver um episodio de LOST revi-me um pouco numa das citacoes de uma personagem que dizia o seguinte "Eu tento, mas ninguem gosta de mim. A verdade e' que sou como sou." Se nao foram bem estas palavras foi parecido e a verdade e' que lido assim nao faz muito sentido mas para mim significou bastante. Desde que me mudei para Inglaterra que senti uma certa solidao... estranheza... sempre fui muito posta de parte como se nao fosse se quer uma opcao de ir aqui ou ali. A verdade e' que por si so' nao sou uma pessoa muito social, talvez ate' nao seja uma personalidade que as pessoas gostem. Mas sou como sou e por mais que tente sinto que ha uma certa dificuldade em arranjar amigos. Confesso que a maioria dos meus "amigos" que nao sao tantos quanto isso, em Portugal das duas uma ou sao do tempo de escola/ faculdade ou do mundo virtual. Pelo que aqui apesar de tudo vivo com o meu rapaz, ele tem os seus amigos que em certa parte sem duvida tambem sao meus, mas nunca vao ser aquilo que um dia desejo... poder sair, dar uma volta, passear, tomar um cafe, por a conversa em dia, ir ate' um cineminha... sao coisas que por ca raramente faco, pelo que aproveito ao maximo sempre que vou a Portugal para fazer tudo o que posso com os meus amigos de coracao. Pergunto-me se sera' sempre assim por ca? Se terei esta dificuldade em conhecer pessoas ao longo da vida? Se serei so' eu a tentar? A gostar do que vivo? De conviver? Ja por varias vezes contactei pessoas para ir passear... por varias vezes me disseram escolhe um dia, eu escolho... ou estao muito ocupados ou escolhem outro dia... mas a saida nunca acaba por se concretizar e acaba por cair no esquecimento. Por outro lado e' aborrecido ter sempre aqui a melga a pedir para ir dar uma volta nao acham? Pelo que acabo por me fechar um pouco em mim e deixar andar... E acabo ate' por perder o contacto com essas pessoas. Sera' assim tao dificil sair so' por sair... para ir dar uma volta ao ar livre, ou ir ate' um livraria, ou ver um filme ou ate' juntarmo-nos nas casas uns dos outros para um filmezinho em casa ja que fica caro ir ao cinema... Serei eu a mentalidade retrogada que nao entende que conviver e' so' night party e beber? Ou serao os outros tao diferentes de mim que nao percebem que conviver e' mais do que beber? Enfim... Nao sei, mas 'as vezes a solidao bate ca forte... e por isso mesmo me foco mais num mundo virtual e nas cartas, pois ai sei que sou ouvida e entendida. Bom Fim de Semana.

Wednesday, 28 May 2014

Being nice or just common sense?

Hoje vi uma situacao caricata no autocarro. Por um lado compreendo a revolta de um, por outro sei de ante-mao que nunca reagiria de nenhuma das formas que presenciei. Um individuo entra no autocarro e escolhe um lugar para se sentar. Em prinicipio sentamo-nos com o objectivo de deixar o lugar apenas e so' quando saimos do autocarro. Nao foi o caso. Entretanto entram 3 donas na casa dos 40 e muitos, provavelmente e pedem a esse tal individuo para se chegar para o lado para que as 3 se possam sentar todas juntas. O individuo nao entendeu e foi apanhado de surpresa, pelo que meio contrariado se levantou e se sentou 'a minha frente claramente aborrecido. E eu fiquei a matutar, se por um lado nao defendo totalmente a atitude do individuo pois se me acontecesse o mesmo nao me importava nada de dar lugar (ainda que houvessem mais lugares 'a disposicao) por outro lado compreendo-o perfeitamente, pois depois de um dia de trabalho, de stress, de problemas ( ou nao ) ainda temos de nos preocupar com a felicidade dos outros? No entanto sei de ante-mao que nunca no meu perfeito juizo (com 40 e tal anos) ia pedir a um individuo para se chegar para o lado para assim puder estar na conversa com as minhas colegas. Oi?! Se fossem criancas ainda se compreende a ignorancia de perturbar o outro. Mas agora adultas, o que? Nao podiam ficar 5, 10, 15 minutos de viagem sem falarem umas com as outras (que nao seria o caso pois haviam outros lugares disponiveis)? Foi de um tamanho egoismo que eu fiquei parva. E nessa medida cheguei 'a conclusao que se por um lado nao defendo a atitude do homem por outro tambem nao concordo com a atitude das mulheres. Enfim, sao ideias... eu diria mais que e' falta de educacao. Mas enfim! Fora isso tenho a dizer que as viagens de autocarro costumam ser assim para o caricato :) ha sempre qualquer coisinha que me deixa a pensar.

Tuesday, 27 May 2014

Today I feel tired

Sabem aqueles dias em que uma pessoa acorda bem, mas sente que nao dormiu tudo. Apesar de tudo o dia corre bem, com muito trabalho e como tal o tempo passa a correr. Fazemos a vida normalmente, casa, trabalho, almoco, trabalho, correios, caixa multibanco, casa... E mesmo sabendo que depois disto tudo o dia ate' foi produtivo porque me sinto eu com pouca motivacao para acabar o dia em grande? Porque e' que so' me apetece enfiar-me na cama e so' acordar de manha. Ha dias assim... Hoje foi um dia esquisito, va.

Sunday, 25 May 2014

It can't be easy

Um dos filmes do qual nao me canso de ver "Song for Marion", para alem de ser um filme que nunca vou conseguir ver sem derramar lagrimas e lagrimas e' um daqueles filmes que nos marca emocionalmente e nos deixa a pensar. Eu nunca perdi ninguem, isto verdadeiramente chegado a mim. Sim, perdi o meu avo infelizmente muito cedo para mim... Felizmente ainda tenho os meus outros avos, mas nunca perdi um pai, uma mae, uma irma, irmao, um amor da vida... E nao sei realmente o que e' perder alguem tao chegado a nos, o sofrimento, o tempo que nos leva a ultrapassar uma vida sem essa pessoa. Este filme retrata bem isso, a perda de uma pessoa incrivel e por consequencia uma vida sem essa pessoa. Nao e' facil perder alguem. De todo, nada facil. Mas acredito que um dos principais objectivos e' nao baixar os bracos, nunca. Nunca desistir de viver. Bom Domingo.

Thursday, 22 May 2014

Postcard Happiness


O projeto PostCard Happiness e' uma iniciativa que permite enviar postais para outras pessoas ganhando assim um sorriso nos labios. A pagina foi criada com o intuito de maximizar a auto-estima e confianca das pessoas, com um simples postal. Dando assim uma razao para se ser feliz, mesmo quando se esta' a passar dificuldades. Ou ate' mesmo quando nao se esta' a passar dificuldades, quando estamos de bem  com a vida. E eu nao podia concordar mais com esta iniciativa! Sendo uma apaixonada por troca de cartas. Funciona do seguinte jeito: ver aqui. Participem!

V. is someone beautiful to me

A Vera, se me perguntassem se iria conhecer alguem assim lindo ha uns meses atras?? Eu iria dizer que de certeza que nao (pois nao e' frequente assim, receber tanto amor de pessoas lindas). Mas aqui esta' ela, a Vera a mimar-me sempre que recebo uma carta sua. Ha sempre miminhos misturados, cartas com um essencia recheadas de amor, frases de apoio e de essentivo, e desta vez tive direito a dicas de culinaria para fazer doces (vejam so'!), um porta-chaves com o meu nome (que acredito ter-lhe dado uma valente dor cabeca para encontrar!) e um postal lindo de Fatima. Sao pequenas coisas destas que fazem toda a diferenca num dia, numa semana, num mes. Eu que o diga que tive um mes super agitado. Comecando com a visita a Portugal entre os meus, mudancas no emprego e como se nao bastasse trabalho que nao falte! Deve ser um dos meses mais produtivos de sempre, visto que nao paro. BUT ANYWAY! Este artigo e' dedicado 'a simplicidade dos gestos, e basta receber algo assim para nos por logo com um sorriso de orelha a orelha. Conhecemo-nos a partir de um projecto antigo, do qual somos da opiniao que e' muito parado... nao ha motivacao ou amor por esta actividade (ou simplesmente tempo - o que para mim acaba por ser uma desculpa esfarrapada... leve o tempo que levar ha sempre tempo. Quanto mais nao seja na casa-de-banho!) e quando digo conhecemo-nos, digo apenas por carta ou virtualmente (contudo, somos praticamente incontactaveis virtualmente). Soube desde inicio que esta menina era renegada e ate' mesmo humilhada por esse mesmo grupo, pelo que me pos de parte... e nao importa quem, se sabemos o suficiente da pessoa qual e' o mal de dar uma morada a um desconhecido? Ah podem assaltar, ah podem aparecer aqui, ah sei la mais o que... mentir a nos proprios e' que nao. Quantos e quantos desconhecidos nao passam diariamente na nossa porta, sabe deus com que planos na cabeca, com que intencoes. Qualquer, mas qualquer pessoa pode entrar dentro das nossas casas, saiba ou nao saiba a morada. Mas esta e' meramente a minha opiniao. Respeito quem tenha receios, mas acho descabido, apenas isso. Nao desconversando do assunto principal. Obrigada Vera. Obrigada por naquela dia me teres convidado a trocar cartas contigo quando toda a gente desconfiava de ti. Obrigada por seres o coracao grande que e's. E me aguarde sim? Pois a proxima vai ser em grande.

Wednesday, 21 May 2014

The experiences of a different work

Viver num pais diferente tem muito que se lhe diga, especialmente quando a confianca e a auto-estima falham por nos encontramos num mundo diferente. Toda a gente sabe (e quando toda a gente sabe refiro-me das pessoas que me rodeiam e me conhecem pessoalmente) que trabalho numa area em que nunca fui profissional ou experiente, que nunca estudei para tal, que a unica coisa que tenho e' o meu decimo segundo ano feito em Portugal, mais dois anos de faculdade que juntos devem igualar ao decimo segundo ano ca de Inglaterra. E assim que cheguei a Inglaterra a unica coisa em que realmente trabalhei foi a tomar de criancas/bebes, limpar casas e limpar os caixotes de lixo da rua. Se e' bonito? Agradavel? Nao... de longe. Nao e' bonito nem agradavel, mas era o meu sustento e vivia feliz com isso. Toda a gente sabe disso e toda a gente sabe que o unico motivo que me levou a seguir em frente e mudar de emprego foi a estabilidade nos horarios. Fantastico consegui isso e um bonus, um salario extraordinario. Nao podia pedir mais, mas ainda nao acabou. Para alem de um horario estavel (de 7h30 diarias), um salario fantastico ainda tive direito a uma equipa de quem hoje falo como se fosse familia, de tao bem que me acolheram. No entanto nao hajam ilusoes, ha dias maus. Dias stressantes, que me tiram do serio, e tiram-me mais do serio quando puxam por mim e a mola nao da' para mais! Hoje foi um desses dias. Recebi um pedido para calcular o melhor preco de venda e tempo de entrega... ate' aqui tudo bem, o item em questao parecia-me familiar, o material nao tanto, mas arranjava-se (julguei eu) e vamos la contactar a nossa equipa das encomendas para pedir precos do material. Ora esta como nunca encomendou tal material foi falar com a pessoa mais velha do departamento e pedir conselho. Ate' aqui tudo bem... mas 'as tantas o individuo poe-se a dizer "nos isto nao fazemos, nunca fizemos, porque e' que foi parar 'as tuas maos? Ja alguem da producao viu isto?" Ao que eu respondo em minha defesa que por uma questao de salvar tempo geralmente pergunto a cada manager se fazemos aquele tipo de material, ninguem se encontrava la... decidi prosseguir com o o segundo passo que e' pedir os precos do material e em seguida passar o pedido 'a equipa de producao para me darem tempos. Disse ele por mais do que uma vez que realmente nao faziamos, e que era uma perda de tempo para a equipa de encomendas... e eu disse-lhe (pois para mim uma vez chega que eu nao sou burra nem surda): "Concordo, e' uma perda de tempo, mas eu nao sabia e como tal em vez de perder o MEU tempo decidi avancar com o pedido" pois nao mata ninguem e para alem do mais a equipa de encomendas sabemos nos bem que teem fama de preguica. A serio, ha atitudes que me tiram do serio e esperarem mais de mim do que aquilo que sei e' que nao. Eu nao sou nenhum genio. Ensinada, posso virar tal. Mas se nao for ensinada, se ninguem me disser como se faz querem que as coisas aparecam feitas correctamente do nada?! Arre. Ja me tiraram do serio hoje.

Tuesday, 20 May 2014

Thanks weather!

Por aqui esta' meio esquisito. Teem estado dias maravilhosos de calor e de Verao... as melhores temperaturas do ano dizem os especialistas. No entanto de ontem para hoje a coisa ja nao parece bem a mesma e o clima esta' mesmo "ranhoso". Esta' claro, nao se deixem enganar! Mas dizem que vai haver chuvas fortes e trovoadas para este fim de semana. Logo agora que temos um feriado logo na segunda feira e os planos eram gozar bem estes dias de claro. Passear, fazer o nosso piquenique que so' acontece muito de vez enquando, quando o menino pode escapar ao trabalho. Assim nao, assim vamos goza-lo 'a chuvinha. Santa paciencia. Tambem ja ouvi dizer que por Portugal a coisa nao esta' la' muito bonita... Verdade seja dita, este calor repentino ja sabiamos que nao era normal. Haveriam consequencias, e voila. Hasta!

Sunday, 18 May 2014

A good weekend


Este fim de semana tem passado a correr, mas tem sido fantastico. A relaxar, a passear, a aproveitar este clima que nao e' para todos os dias. Ontem fiquei por casa a arrumar os meus crafts, a organizar as minhas coisas. Passei horas a fio sem dar conta do tempo passar, estava-me a divirtir tanto a arrumar acessorios e auto colantes e selos e sei la mais o que nas suas devidas caixinhas que nem dei pelo tempo passar.


Como se nao bastasse passei grande parte da tarde de ontem a conversar com a mana, a mama e a avo. Todas na boa vida em casa, e eu tambem pois esta' claro! Ainda nao vos tinha contado mas felizmente nas ultimas ferias que fui a Portugal contei 'a mae que vivo com o meu companheiro de idade um pouco diferente da minha, ela suspeita que seja bem mais velho do que o que dei a entender... mas eu nao confirmei nada sou honesta. Nem quero, ela sabe que e' mais velho e pronto ficamos por ai. Sim, sabe que podia ser meu pai. E sim, nao esta' feliz com a ideia, mas desde que eu seja feliz e' isso que importa para ela. E saber que tenho alguem ca' com quem posso contar acaba por ser um alivio para ela.


Por isso a conversa com ela ontem foi ate' umas das mais agradaveis de sempre, desde que me mudei para Inglaterra, aquela culpa de nao saberem o verdadeiro lado romantico da minha vida nao era a coisa mais honesta de se viver confesso, e custava. Agora ate sou eu que meto bastante conversa com eles ate' para nao se sentirem tao sozinhos.


Hoje o dia foi passado a passear pela cidade desde o 12h00 ate' sensivelmente 16h00 soube-me bem, mas os pezinhos ja se queixavam pelo que fui para casa. Entretanto fui passear de carro com o menino e ca' estamos novamente por casa. Se o tempo estiver bom para o proximo fim de semana, aguarda-me piquenique :) Por hoje ja chega de grandes correrias. Vou ver se me foco no essencial! Tratar do seguro da motinha e escrever as cartinhas que estou a dever. As fotografias sao todas elas da minha autoria, e claro sao de Leeds, a minha segunda cidade.


My paper journey by Yainea


E' incrivel a quantidade de coisas que encontramos no mundo virtual. Somos diariamente inundados com ideias e inspiracoes que de outra forma nao teriamos conhecimento. Confesso que a maioria dos cantinhos que sigo teem como base o DIY/ Crafts... e' tudo muito 'a base de cartoes, postais, envelopes, conjuntos de escrita, albuns, crochet, costura... apenas a culinaria ainda nao e'  uma fonte de inspiracao devido 'a minha incompetencia na cozinha. Da qual ainda nao desisti e atencao apesar de tudo alguns da minha lista ja sao tambem de culinaria!


Hoje trago-vos um blog especial My paper journey  da Yainea. Sei muito pouco sobre ela, pois realmente nao e' nela que o blog se baseia mas sim no seu trabalho. A Yainea e' espanhola e para alem de engenheira informatica e' tambem muito talentosa! Ela ja anda nestas coisas ha' mais ou menos 10 anos, mas apenas ha' alguns anitos e' que a conheco. Felizmente bem a tempo de aprender alguma coisa com ela.


Se repararem o seu estilo baseia-se muito numa loja que ja publiquei aqui previamente a Lawn Fawn a qual venero, mas que para ja ainda se encontra muito fora do meu alcance a nivel monotario. Nao consigo ficar indiferente a esta loja e' uma constante renovacao de items e materiais que sao de babar por mais. Infelizmente nem tenho competencia (pois nao sou assim tao boa nas minhas actividades) nem dinheiro para me atirar de cabeca neste mundo. Ja estive mais longe, talvez um dia. Mas e' incrivel nao e'? A quantidade de coisas que se podem criar assim sem mais nem menos? Basta ter material e criatividade. E voila! Magia :)
Ora entao Bom Domingo (que outro fim de semana ja voa......)

Wednesday, 14 May 2014

What made my day?

Hoje recebi a noticia que iluminou o meu dia... Estava eu no meu novo local de trabalho a fazer coisas pelos outros que nem lembra ao diabo quando aquele e-mail do meu manager (a anunciar a despedida do outro) iluminava na minha caixa de entrada. A nao querer saber mais do que estava a fazer so' via a hora de sair dali comecei a ler o e-mail. O chefe (manager) de equipa comecou por cumprimentar a nossa equipa dizendo mesmo que ja tinha a minha secretaria (do individuo que foi embora) pronta, bem como o telefone com a minha identificacao. E que estava 'a vontade para arrumar as coisas que necessitava dali para fora. Anunciando assim a minha presenca a tempo inteiro no meu antigo local de trabalho. Ou seja nao vou andar la e ca, la e ca, meia semana no meu antigo escritorio, meia semana no local recente. Noup. Aqui a menina Anna vai voltar a estar com a equipa que a acolheu desde inicio e nao sabem o "YES" de alegria que se fez ouvir no escritorio depois de ler esta grande novidade. Assim sendo as tarefas estao decididas, contracto sera renovado e irei fazer o meu trabalho original, que tanto gosto. Nao podia estar mais feliz. Sei que nao dura muito esta felicidade, mas enquanto durar deixem-me ser feliz.

Maybe

Talvez me tenha excedido... Talvez tenha exagerado na forma de me exprimir. Mas confesso que nao retiro daquele desabafo uma unica palavra. Se e' como me sinto, acho que estou no direito de o partilhar. Tenho pena ... pois eu detesto magoa-lo. E sentir-me assim magoa-lhe. So' gostava que apesar de tudo as pessoas nao me vissem como uma estranha. Eu por si so' ja sou insegura e timida. Estando num mundo que nao e' o meu ainda pior... e as pessoas nao percebem. Ou sera' que e' tudo problema da minha cabeca? Serei eu a anormal?

Tuesday, 13 May 2014

Visits

Devo admitir que nao sou uma pessoa dita social, mas gosto de conviver. Com isto nao quero dizer que tenha de receber visitas diarias dos amigos do menino. Uma coisa sim e' receber de vez enquando, pois claro estao nesse direito. Afinal de contas tem amigos e familia, mas dai a ser diariamente. Mas o problema e' que se estivessem aqui para me conhecer, para falar tambem comigo, para nao me excluirem das conversas. Agora as pessoas chegam e nem me ligam nenhuma que tipo de interesse tem estas visitas. Nao creio que facam de proposito, mas se fazem ou nao sinceramente ja nem me interessa, ja la vai mais de um ano e meio ja era altura de entenderem. Pelos vistos na minha ausencia entao era todos os dias a toda a hora, pessoas chegadas, pessoas de longa data. Porra quem vir esta cena toda ate' pensa que ele esta' morrer. E mesmo que ainda fosse esse o caso (pois nao nego, que por algumas cabecas passe isso) o que eu vejo e' puro egoismo! O irmao e' mais velho para ai uns dez anos, divorciado, reformado, nao tem mais que fazer claro vamos la passar na casa do mano (e mais, na hora de jantar que e' para nao comerem se quer!) e passar la umas boas 4h. Nada mau, se ainda fossem visitas dia sim dia nao... O casal amigo vem ca para falar dos carros que vao vender, da casa que vao comprar, estao em debito ate' 'a ponta dos cabelos, mas qual e' o problema? Vamos e' gastar mais dinheiro enquanto somos vivos e deixar as preocupacoes para os outros! Bota para a frente. O outro amigo menos mal. As amigas e os amigos de longa data veem ca' sabe deus porque, nem quero pensar (o coracao infelizmente salta de inseguranca e a cabeca nao ajuda). Enfim. Sabem o que vos digo? So' quero descanso... Uns dias em casa, com o menino, sozinhos no nosso cantinho... nao e' pedir muito pois nao? Especialmente quando os dois trabalham e so' queremos um pouco de sossego depois de chegar do trabalho. Haja sorte... Arre. E amanha vai ser outro (Ai pah quem me dera que estivesse errada). Olhem para o que vos digo, mas um dia que o menino se va "embora" (e infelizmente sabem do que falo) acham que alguem se vai preocupar com a vaca que o f*dia? Perdoem-me a linguagem mas e' bem verdade. Desculpem-me o desabafo. E' que ja' nao suporto.

Sunday, 11 May 2014

Dear weekend, come back

Hoje a vontade era ficar em casa descansadinha da minha vida e gozar as ultimas horas de fim de semana naquele estado de preguicisse aguda. No entanto o menino precisava de ir aqui e ali fazer umas compras para a construcao da casa. Ora aproveitando que ate' esta' um dia bom seria um desperdicio perder esta oportunidade para me distrair um pouco antes de uma semana longa de trabalho. Assim sendo la fomos. Compramos madeira suficiente para ele fazer as portas dos armarios do escritorio (e' o novo compartimento da casa em re-construcao), compramos curry's, confesso que nao sou grande fa deles (dado que sao picantes) mas compramos tambem de camarao para eu me deliciar. Compramos tambem alguns ingredientes para fazermos as nossas proprias sandes de hamburguer. Para assim ao inves de irmos ao Burguer King, fazemos em casa o nosso proprio hamburguer com direito a batatas fritas :) Ja estou a afiar os dentes! Ora entao bom resto de Domingo para voces.

Saturday, 10 May 2014

This flu

Esta constipacao tira-me do serio! Ja dura desde o dia 1 de Maio e nao suporto esta moleza... este nao faz nada pois nao ha vontade, embora tenha muito para fazer! Aproveitar que tenho logo um fim de semana depois das minhas ferias para por as limpezas em dia. Mas a vontade e' praticamente nula, e cabeca para isso nem existe. O meu nariz e' um carregador constante daquela nheca que ninguem suporta, os espirros sao mais que muitos e a tosse e' uma dor de cabeca na hora de dormir. Ja tomei um banho de agua a ferver e respirei bastante o vapor da mesma, mas a nheca continua aqui. Alguma sugestao de algum medicamento que me veja livre deste estado de espirito/ fisico que nao me leva a lado nenhum? Ca' por norma nao tomo nada e deixo andar... mas ja vai para a segunda semana e nao vejo sinais de melhorar tao cedo. Pensava que estava perto da recuperacao mas por algum motivo piorou significativamente.

The source of the name

Andava aqui a matutar e nunca expliquei realmente a origem do nome do meu cantinho. Este teve como principal origem o titulo da minha musica favorita. "Mrs. Brightside" de The Killers. Nunca me fartei desta musica e sempre que a oico confesso que deliro! A verdade e' que a letra esta' bem escrita, o video esta' bem conseguido e tudo indica um lado positivo da historia. Pessoalmente achei o titulo indicado embora irreal. Pois sejamos honestos, eu em nada sou a "Miss Brightside", nunca fui embora esteja a lutar para ser uma pessoa mais positiva, uma pessoa melhor. Dai  que o titulo do meu cantinho seja o primeiro passo para a mudanca. Se estou a conseguir o que desejo? Sim. Volta e meia a vida prega-nos as suas surpresas menos felizes mas e' nesse instante que tento ver o lado positivo das coisas e olho para elas de outra maneira. Ou pelo menos tento. "Miss Brightside" foi a forma que encontrei de iniciar essa mudanca, que para mim torna-se num enorme desafio diario!

PostCrossing


Ja estou inscrita no PostCrossing ha 1 ano e tal, mas so' recentemente comecei a trocar postais com o desconhecido. Nao sabia como me desenrrascar o que na verdade e' uma vergonha, e na conversa com uma das meninas com quem troco cartas percebi que o PostCrossing nao e' um bicho de sete cabecas e que realmente podemos divertirmo-nos muito com esta actividade (nao fosse ela um pouquinho dispendiosa). A verdade e' que depois de estar ausente uma semana e' bom receber estas surpresas lindas de varios cantos do mundo :) E devo dizer que me aquece o coracao.
1 - Holanda
2 - Taiwan
3 - China
4 - Finlandia
5 - Alemanha
6 - Romenia
7 - Holanda
8 - Nova Zelandia
9 - USA
10 - China
11 - Russia
E estes sao os pequenos (grandes) exemplos da minha felicidade :)
E voces? Ja participaram? Participam? Ou isto nao passa de uma novidade para voces?

Yesterday


Ontem so' fui trabalhar metade do dia. Previamente tinha tirado meio dia de ferias, pelo que acreditem ou nao foi a melhor opcao que tomei! Tive assim a oportunidade de oferecer os tradicionais doces portugueses aos meus colegas de trabalho bem como manter o meu ritmo de trabalho. Que devo dizer por esta altura vai ser complicado manter o ritmo! E' muita coisa ao mesmo tempo, contando tambem que um dos nossos colegas vai embora ja na proxima quarta. Vai ficar tudo um pouco confuso, com muito para fazer. E nesse aspecto nao ha tempo para fazer favorzinhos do outro lado da empresa, se sou necessaria para receber pedidos e atender prazos de entrega! A ver vamos, como correm as coisas. Foi tudo a correr confesso, mas correu tudo muito bem. Apesar de estar a CHOVER! Aqui chove minha gente, onde esta' o sol maravilhoso e o calor insuportavel de Portugal??? Pois, esse ficou em Portugal! Va la que volta e meia o Sol por ca' da' o ar da sua graca. Ora entao muito bom fim de semana.

Friday, 9 May 2014

Back home


Regressar a Portugal soube-me bem. Estava a precisar, apesar de ter chegado com uma constipacaozita (arre para la o ar-condicionado do aviao), apanhei (mais do que) bom tempo e aproveitei bem para fazer o que estava planeado e visitar a familia e os amigos.
Quinta-feira - Cheguei a Portugal 'as 21h30, como o aviao se atrasou ja so' la' cheguei as 22h00 (este dia foi para esquecer pois tudo deu errado).
Sexta-feira - A mama resolveu tirar o dia de ferias para estar com a filha, bem como a mana. Por isso foi dia de Ladies only! :) Claro, o dia foi virado para o shopping... e as despesas. Bom, nem e' bom falar.
Sabado - 'As 8h00 da manha ja estavamos todos prontos para sair de casa e ir de motorizada ate' Santiago de Compostela, 230Km a 80Km/h quando calhava. Chegada a Santiago de Compostela, foi visitar, jantar e cama numa "pousada". Eramos 12 motorizadas.
Domingo - 'As 6h00 da manha ja estavamos todos fora da cama e a caminho de Chaves, a caminho de Portugal, a caminho de casa. 360Km eram o objectivo do dia. E foi bem conseguido com poucas paragens.  Verdade seja dita, as costas ja me estavam a matar, mas fora isso correu tudo bem e adorei!
Segunda-feira - Dia de visitar a avo paterna e o avo paterno, convida-los para o jantar em familia. Nao foi facil visto que ja estao separados ha anos, mas fizeram o esforco pela neta. Um jantar que me soube pela vida! Francesinha pois claro :)
Terca-feira - Dia para mim, passei o dia sozinha e a descansar. E bem, como me soube bem.
Quarta-feira - Passei o almoco e a tarde com a minha melhor amiga. E passei a noite com a minha mana e o namorado. Fomos ao cinema ver "Nao ha duas sem tres" (ainda estou para perceber as traducoes do ingles para o portugues que o cinema tem tendencia a fazer...), gostei. Nao e' nada por ai alem. O trivial, aquilo que ja conhecemos. Mas gostei bastante e deu para descontrair antes do dia de viagem.
Quinta-feira - Foi dia de ir buscar doces portugueses para trazer para Inglaterra. Fui visitar a minha avo materna que se fartou de me dar beijinhos. Fui almocar com a minha familia, fora o meu papa que teve de comer sopinha em casa devido 'a sua intoxicacao alimentar. Enfim... estavamos todos "bonitos".
'As 20h00 estavamos a sair de casa para apanhar o meu aviao das 21h25. A viagem correu bem e a chegada tanto melhor, pois o combinado nao aconteceu e assim tive a bela surpresa de o menino me ter ido buscar :)
E foram assim matadas as saudades a Portugal. Portugal vejo-te em Agosto!

PS: Um pequeno 'a parte - aqui esta' a CHOVER!!
Powered by Blogger.

Contact us

anna.21.marian@gmail.com